Favor habilitar Javascript! CINEMA BRASIL NA INTERNET - CINEMA BRAZIL NA INTERNET

  Other Idioma?  
clique no banner acima                                                    
  Contato O Projeto
Mapa do Site
| Início | Acervo de Filmes | Roteiroteca | Vídeo online | Debates | Cadê Profissionais? | Memória |
|
Cine Matérias

Seu filme favorito

A Produtora
O que é o Projeto
Quem aprova
COMO PATROCINAR
Matérias/Artigos
Política/Mercado
Festivais/Concursos
Dicas de Produção
|
Especial
19º Cine CEARÁ
FESTIVAL CINE CEARÁ 2009

Comentários do CinemaBrasil sobre o festival:
* 04 de Agosto de 2009:



DEBATES COM EQUIPE/ELENCO DOS FILMES DA NOITE ANTERIOR

Paulo Mendonça (cuja figura hoje lembra o Roberto Farias em 1999) fala
sobre o documentário que o CANAL BRASIL fez, e dos planos de fazer
outros programas com Martinho da Vila.


O diretor de elenco diz que a atriz adolescente de À DERIVA pousou para uma
revista francesa como parte da estratégia de lançamento do filme em Paris.

A Carta de apoio à ação cultural da Petrobras conta nesta data com 150 assinaturas.

A Clínica Cesnick/Solot para produtores aconteceu durante todo o dia de hoje. 
Participei com meu projeto de longa-metragem e anotei as recomendações.
O atendimento foi para 12 produtores individualmente reunidos com a dupla de
especialistas Steve Solot e Fábio Cesnick.

CERIMÔNIA DE ENCERRAMENTO:

Apresentadoras anunciam o início da cerimônia de encerramento


A atriz cubana Laura Ramos na platéia lotada do Cine Ceará


Jal Guerreiro da Link, Rosemberg Cariry e Marcos Manhães Marins


Paulo Mendonça, do Canal Brasil, conversa com a platéia 

O 19º Cine Ceará - Festival Ibero-Americano de Cinema, após uma carta lida
por Orlando Senna a favor da libertação de Honduras, e de outra lida por
Rosemberg Cariry, em apoio à Ação Cultural da Petrobras, divulgou a relação
de premiados.

Rosemberg Cariri lê a Carta em apoio à ação cultural da Petrobras

Orlando Senna, ex-secretário do audiovisual, lendo a carta de Honduras


PREMIAÇÃO:


"Se Nada Mais der Certo" ganhou Melhor Filme, levando para casa 4 troféus 
Mucuripes e o único prêmio em dinheiro, de US$ 10 mil (R$ 18,3 mil). Como
nem José Eduardo Belmonte, nem o ator Cauã Reymond estavam presentes no
encerramento, Orlando Senna subiu ao palco mais 5 vezes para receber os
prêmios. Ele brincou que estava se sentindo o próprio Cauã nesta noite.

Na categoria curta-metragem, quem ganhou o prêmio de melhor filme foi
"Os Sapatos de Aristeu", de René Guerra, mas quem mais recebeu prêmios
foi a cineasta Renata Pinheiro, de "Superbarroco", o curta-metragem mais
criativo do festival. Ganhou o prêmio de melhor ator, Everaldo Pontes,
que também está em SIRI-ARÁ, longa-metragem de Rosemberg Cariry, que 
foi exibido logo em seguida à premiação.


Pai, Alberto Cortés, e seu filho no palco. Prêmio pelo filme "Coração do Tempo".

PREMIADOS:

Mostra Competitiva de Longa-Metragem 

Melhor longa-metragem 

"Se nada mais der certo", de José Eduardo Belmonte 

Melhor Direção 

José Eduardo Belmonte por "Se Nada Mais der Certo" 

Melhor Fotografia 

Jorge Crespo por "Haroldo Conti - Homo Viator"; filme argentino 

Melhor Montagem 

Frederico Ribeincher por "Se Nada Mais der Certo"; 

Melhor Roteiro 

Lírio Ferreira, por "O Homem que Engarrafava Nuvens"; 

Melhor Trilha Sonora 

Antônio Pinto por "À Deriva"; 

Melhor Som 

Zezé Dalice e Waldir Xavier por "O Homem que Engarrafava Nuvens" 

Melhor Direção de Arte 

Erick Grass por "Os Deuses Quebrados"; de Cuba 

Melhor Ator 

Cauã Raymond por "Se Nada Mais der Certo"; 

Melhor Atriz 

Annia Bú (Cuba) por "Os Deuses Quebrados" 

Mostra Competitiva de Curta-Metragem 

Melhor Curta-metragem 

"Os Sapatos de Aristeu", de René Guerra 

Melhor Direção 

Gilberto Scarpa, por "Os filmes que não fiz"; 

Melhor Fotografia 

Ivo Lopes, por "A Montanha Mágica"; 

Melhor Montagem 

Vinicius Calderoni, por "Os Sapatos de Aristeu"; 

Melhor Roteiro 

René Guerra, por "Os Sapatos de Aristeu"; 

Melhor Som 

Alessandro Laroca, por "Silêncio e Sombra"; 

Melhor Direção de Arte 

Dani Vilela e Karen Araujo, por "Superbarroco"; 

Melhor Ator 

Everaldo Pontes, por "Superbarroco"; 

Melhor Atriz 

Ceronha Pontes, por "A Mulher Biônica"; 

Menção Honrosa 

"Sweet Karolynne", de Ana Barbara Ramos 

Melhor Produção Cearense 

"A Mulher Bionica", de Armando Praça 

Melhor Curta da Mostra Fortaleza Verde Imagem 

"As Crianças e a Mata", de Gerardo Damasceno 

Prêmio Especial do Júri 

"Coração do Tempo", de Alberto Cortés (México) 

Prêmio Oscarito da Câmara Municipal de Fortaleza 

"O Homem que Engarrafava Nuvens" 

Prêmio BNB 

"O Homem que Engarrafava Nuvens", do diretor Lírio Ferreira 

Pitching Globo Filmes - Cine Ceará 

"Menino no Espelho", de Guilherme Fiuza (MG) 

Prêmio Aquisição Canal Brasil 

"O Sapato de Aristeu", de René Guerra


SIRI-ARÁ de Rosemberg Cariry - Um Cariry fantástico que em
CORISCO E DADÁ apenas se anunciava em curtas cenas de lirismo
da caatinga. Aqui o que Rosemberg parece esperar da platéia é
a imersão num mundo de sensações, fantasias e tradições de sua 
terra, o Ceará. Um Cariry que lembra o Bressane de "São Jerônimo" e
o Antônio das Mortes de Glauber. Um Cariry que não conta história,
mas que apresenta uma viagem poética pela caatinga em presença dos 
figurais do nordeste, reisados, bandas de pífanos, bumba-meu-boi,
e os índios que antes lá habitavam, recebendo os colonizadores 
europeus. Nem Buñuel ousaria tanto em nome de sua terra natal.


PROGRAMAÇÃO DO DIA
10h  DEBATE E COLETIVA COM REALIZADORES - Seara Praia Hotel

10h às 18h - Clinica Cesnik/Solot para Produtores -  
Seara Praia Hotel. 
Encontro de produtores (individualmente) com assessores da LACT e CQS.

15h MOSTRA CHE OLHARES NO TEMPO – Espaço Unibanco 2 – Dragão do Mar
Che parte 1- (Steven Sodebergh, EUA, 2008, Ficção, 135'); 
Diários de motocicleta (Walter Salles, 2004, Brasil, Ficção, 128')

16h – MOSTRA IBERO-AMERICANA CINEMA DE ANIMAÇÃO - 
Casa Amarela Eusélio Oliveira. 
Classificação Etária: 16 anos. 
Programa: Cineteca da Pontificia Universidad Católica de Valparaíso, Chile. 
Curtas-metragens: El Pescador (Claudio Rocco,3'50”, 2006); 
Manos libres (Tomás Wells,15'30”, 2000); 
Ciclos vitales (Claudio Diaz, 6', 2004)
República banana (César Peña, 6‘, 2003); 
Valparaíso 3371 (Luis Saavedra,14‘, 2003); 
La historia del pabellón de París (Tomás Schüller) 14'37”, 2005); 
Pájaro mudo (Francisco Huichaqueo, 3'2004); 
M ( Klaudia Kemper, 6', 1990); 
A Periferia (Fabrizzio Bartolini, 10', Chile, 2008)

20h - CERIMÔNIA DE ENCERRAMENTO - 19º Cine Ceará  - 
Centro Cultural Sesc Luiz Severiano Ribeiro.
Premiação dos vencedores das Mostras Competitiva Brasileira 
de Curtas-metrgens,  Mostra Iberoamericana de Longas-metragens, 
e Pitching de Globo Filmes. 
Exibição Especial do longa  Siri Ará (Rosemberg Cariry, Ficção, Cor, 84', Brasil)




Cobertura diária do festival CINE CEARÁ:
Dia 28/07/2009
Dia 29/07/2009
Dia 30/07/2009
Dia 31/07/2009
Dia 01/08/2009
Dia 02/08/2009
Dia 03/08/2009
Dia 04/08/2009

Site Oficial



|




|
visitas:
| Início | Acervo de Filmes | Roteiroteca | Vídeo online | Debates | Cadê Profissionais? | Memória |