Favor habilitar Javascript! CINEMA BRASIL NA INTERNET - CINEMA BRAZIL NA INTERNET

  Other Idioma?  
clique no banner acima                                                    
  Contato O Projeto
Mapa do Site
| Início | Acervo de Filmes | Roteiroteca | Vídeo online | Debates | Cadê Profissionais? | Memória |
|
Cine Matérias

Seu filme favorito

A Produtora
O que é o Projeto
Quem aprova
COMO PATROCINAR
Matérias/Artigos
Política/Mercado
Festivais/Concursos
Dicas de Produção
|
Especial
5º Festival de Atibaia - FAIA 2010
FESTIVAL DE ATIBAIA INTERNACIONAL DO AUDIOVISIAL 2010

Comentários do CinemaBrasil sobre o festival:


*16 de Janeiro de 2010:








AVE MARIA E MARIMBONDO AMARELO SÃO OS GANHADORES DO 5 FAIA Filmes premiados receberam o Troféu Sapuari 2010 na noite de sábado (16) no Centro de Convenções Victor Brecheret em Atibaia Produzido em 35mm, "Ave Maria ou a Mãe dos Sertanejos", do pernambucano Camilo Cavalcanti e o vídeo digital "Marimbondo Amarelo", do goiano Amarildo Pessoa foram os principais premiados dentro da Mostra Competitiva Troféu Sapuari do 5 FAIA – Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual encerrada na noite do último sábado (16), no Centro de Convenções Victor Brecheret, em Atibaia, São Paulo. Ganhador da categoria 35mm, o pernambucano Camilo Cavalcanti, diretor de "Ave Maria ou a Mãe dos Sertanejos" receberá da Prefeitura de Atibaia uma premiação especial de 16 mil reais em dinheiro e mais 8 mil reais em serviços oferecidos pelos Estúdios Quanta. Da mesma forma, o goiano Amarildo Pessoa, diretor de "Marimbondo Amarelo" ganhador na categoria vídeo digital receberá 8 mil reais em dinheiro da Prefeitura de Atibaia e 4 mil reais em serviços oferecidos pelos Estúdios Quanta. Composto por Amaury Tangará, Betty Beer (França), Orlando Bonfim Neto, Euclides Sandoval e Maurício Farina, o Júri Oficial do V FAIA – Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual outorgou ainda Troféus Sapuari nas categorias de: Melhor Atriz: Luciana Caetano, do curta Marimbondo Amarelo (GO) Melhor Ator: Gatto Larsen e Rubens Barbot, do curta Ensaio de Cinema (RJ) Melhor fotografia: Beto Martins, do curta Ave Maria ou a Mãe dos Sertanejos (PE) Melhor direção: Alan Ribeiro, em Ensaio de Cinema (RJ) A Mostra Competitiva Troféu Sapuari contou neste ano com dezoito curta-metragens realizados em 35mm e/ou em vídeo digital premiados nos vinte quatro festivais brasileiros parceiros do Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual. Prêmio Dom Quixote Formado por João Paulo Macedo (Portugal), Marcelo Cordeiro (Bolívia), Yenne Gallego (Colômbia), Gê Carvalho e Liúba de Medeiros (Brasil) o Júri da FICC – Federação Internacional de Cineclubes outorgou o Prêmio Dom Quixote ao filme "Minami em Close-up: A boca em revista" do paulista Thiago Mendonça, oferecendo ainda uma menção honrosa a "Ave Maria ou a Mãe dos Sertanejos", do pernambucano Camilo Cavalcanti. Outorgado pelo terceiro ano consecutivo no FAIA – Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual, o Prêmio Dom Quixote é um reconhecimento por parte da FICC – Federação Internacional de Cineclubes, aos filmes de curta e longa metragens, ficção ou documentário, cuja expressão artística e comprometimento com a realidade das nações e dos povos se sobressaiam. Os filmes homenageados com o Prêmio são escolhidos por um júri designado pelo Comitê Executivo da FICC, através de indicações dos seus membros associados. O nome do Prêmio é representativo de seu significado: "de amor, de paz, de justiça e da luta por tais valores", simbolizando os objetivos da FICC. Além das premiações oficiais do Festival os concorrentes a premiações oferecidas pelo SINDCINE /SP e pelos Estúdios Quanta. Objetivando valorizar a participação do público, a organização do Festival decidiu implantar a partir deste ano a outorga de um prêmio especial do público que será escolhido pelos espectadores do Festival. O V FAIA – Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual é uma realização é da Associação de Difusão Cultural de Atibaia / Difusão Cineclube e da Prefeitura da Estância de Atibaia. O evento conta com o apoio da FICC – Federação Internacional de Cineclubes, do CBC – Congresso Brasileiro de Cinema, do CBDC – Centro Brasileiro da Diversidade Cultural /SP e do CNC – Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros e é patrocinado pelo MinC – Ministério da Cultura através de suas Secretarias Executiva, do Audiovisual e de Políticas Culturais. Todas as atividades de sua programação são gratuitas e abertas ao público. Confira abaixo as fichas técnicas dos ganhadores do Troféu Sapuari 2010. Melhor curta 35 mm Ave Maria ou a mãe dos Sertanejos (PE) Duração: 12min. Gênero: Documentário Suporte: 35MM Direção: Camilo Cavalcante Produção: Aurora Cinema Roteiro: Alax Conceição, Avelino dos Santos, Betânia de Souza, Camilo Cavalcante, Carlinhos Martins, Cila Pinto, Heloysa Dayana, Janaina Bezerre, Jesebel Bezerra, Kelly Oliveira, Natiele de Terto, Renan Domingos, Reydievila Silva e Sônia Ferreira. Fotografia: Beto Martins Elenco: Moradores dos Sítios Caracol, Sozinho, Ipueira, Espírito Santo, Aboboreira, Catolé, Baixio do Juá, Algodões e Minador em Serrita, Pernambuco. Chico Justino, Luzia Petronila Alves, Assis Vaqueiro e Ana Jose dos Anjos. Montagem: Caio Zatti Edição de Som: Nicollas Hallet Festival que representa: Festival de Brasília do Cinema Brasileiro (Brasília/DF) Sinopse: Um registro poético do imaginário popular do Sertão, às 18 horas, quando toca na rádio a Ave Maria Sertaneja, interpretada por Luis Gonzaga. Contato: camilocavalcante@terra.com.br Melhor vídeo digital Marimbondo Amarelo (GO) Duração: 20 min. Gênero: Ficção Suporte: Vídeo Direção: Amarildo Pessoa Produção: Dionísio Bombinha Montagem: Sérgio Valério Fotografia: Joan Moinyer Elenco: Neusa Borges, Luciana Caetano, Alexandre Marques, Liz Eliodoraz, Renata Caetano, Mariana Crescêncio, Liomar, Delicio Soares e Leonel Santos Música original: Sons do Cerrado Captação e Edição de Som: Victor Pimenta Festival que representa: Fescine Goiânia (Goiânia/ GO) Sinopse: Uma andarilha conta a história do fim da dança do marimbondo e o canto das almas no extinto povoado de Baunilha. Contato: amarildopessoa@hotmail.com ------------------------ CARTA DE ATIBAIA - CBC Atibaia, 16 de janeiro de 2010 Reunidos durante o 5° Festival de Atibaia Internacional do Audiovisual, as entidades participantes do Congresso Brasileiro de Cinema - CBC reafirmam seu compromisso com o progresso do Cinema Brasileiro e com a coletividade dos trabalhadores do nosso audiovisual. Assim foram constituídos Grupos de Trabalho para promover a discussão das diversas áreas da cadeia produtiva do audiovisual para levantar questões e reivindicações a serem encaminhadas para a discussão no VIII Congresso Brasileiro de Cinema e Audiovisual, em Porto Alegre, a ser realizado em junho de 2010, com a convocação de todas as entidades governamentais e não-governamentais, personalidades do cinema, do audiovisual e da Cultura brasileira. Nesta oportunidade também comemoraremos os 10 anos da realização do III Congresso, que trouxe de volta a participação das entidades do audiovisual nos debates relativos às políticas públicas para o setor, lançando as bases para importantes vitórias do nosso Cinema da última década. O lema deste congresso é REPACTUANDO O CINEMA BRASILEIRO, e a sua filosofia mais ampla parte do reconhecimento de que todos os povos têm direito às suas próprias imagens, à reciprocidade e à universalização dessas imagens. Nesse empenho continuado, nos mantivemos na luta pela criação de pólos tecnológicos do audiovisual em todo país e dos fundos regionais de desenvolvimento do setor, proporcionando a integração no atual esforço de aumento da produção independente e do acesso da sociedade às obras audiovisuais brasileiras. Desejamos ainda a ampliação dos recursos e dos editais para o desenvolvimento do nosso setor em todos os níveis, tanto da União, quanto dos Estados e Municípios. Neste sentido saudamos a criação do Fundo de Inovação Audiovisual anunciado durante este festival pelo Ministro da Cultura. Nesta oportunidade pleiteamos a participação efetiva das entidades do chamado cinema cultural no Conselho Gestor do referido fundo. Destacamos também a importância da continuidade, do fortalecimento e da ampliação dos programas do Ministério da Cultura nas áreas do audiovisual, diversidade cultural e democratização do acesso da população brasileira à produção cultural. Nos últimos tempos, mantivemos um diálogo produtivo com o Ministério da Cultura, notadamente a SAv - Secretaria do Audiovisual, a Ancine - Agência Nacional do Cinema e a Secretaria de Políticas Culturais do MinC, com as quais pactuamos as proposta da nova Lei Rouanet e da nova Lei do Direito Autoral, encaminhadas ao Congresso Nacional. O muito esperado reenquadramento das empresas do setor cultural na Lei do Simples foi obtida graças à parceria com entidades de outras áreas artísticas e ao reconhecimento da importância da Cultura pelo Congresso Nacional. Por outro lado, o acompanhamento e aprovação do PL 29 na Câmara dos Deputados foi indicativo do acerto dos nossos argumentos a favor da nova legislação, que devem ser reforçados e continuados no Senado Federal. Para ampliar e aprofundar estas e as demais questões que nos afetam, conclamamos todas as entidades e demais trabalhadores do audiovisual para, junto conosco em Porto Alegre, durante o VIII Congresso Brasileiro de Cinema e do Audiovisual, consolidarmos um debate amplo e propositivo de novas políticas públicas e paradigmas para o Cinema e o Audiovisual Brasileiro. Finalmente agradecemos a Prefeitura da Estância de Atibaia, à Associação de Difusão Cultural de Atibaia/ Difusão Cineclube e ao Ministério da Cultura, através das Secretarias Executiva, do Audiovisual e de Políticas Culturais, patrocinadoras do evento.
Cobertura diária do festival ATIBAIA:
Dia 13/01/2010
Dia 14/01/2010
Dia 15/01/2010
Dia 16/01/2010

Site Oficial
|




|
visitas:
| Início | Acervo de Filmes | Roteiroteca | Vídeo online | Debates | Cadê Profissionais? | Memória |